Já vai longe o tempo em que ser um corretor de imóveis era sinônimo de falar muito e “ganhar pelo cansaço”. Hoje, sabe-se que o profissional de sucesso sabe ouvir o cliente e interpretar seus desejos e dores para encontrar o melhor imóvel e reduzir o tempo de venda.

Isso não significa, no entanto, que ser um bom comunicador não seja importante. Muito pelo contrário.

Mas afinal, o que é então ser um bom comunicador? Veja o que o corretor deve saber para encantar seus clientes e bombar nas vendas!

O que é preciso para o corretor ser um bom comunicador

A palavra “comunicador” lembra logo antigos programas de auditório e uma certa verborragia, certo? No caso do corretor de imóveis, não poderia estar mais errado.

Na verdade, ser um bom comunicador significa conseguir manter um nível de comunicação com seu cliente que o faça saber interpretar seus anseios e ao mesmo tempo passar expertise e confiança.

Para isso, há duas formas de o corretor ser um bom comunicador: presencialmente e online.

Como ser um bom comunicador presencialmente

O lead visita seu site, passeia pelas sessões e encontra um imóvel que o agrade. O próximo passo é marcar um visita – e a forma como o corretor se comunicará com ele pode fazer toda a diferença para o fechamento do negócio. Veja algumas dicas do que ser um bom comunicador frente a frente com o cliente.

Nada de falar demais. O corretor de sucesso precisa falar pouco, mas de forma assertiva, atingindo os pontos certos. E, para isso, ele precisa ouvir. Então use a forma Pareto: ouça (de verdade) seu cliente 80% do tempo para falar 20% do tempo as coisas certas.

A maioria das pessoas leva uma ou mais pessoas na hora de visitar um imóvel. Eles são os influenciadores, por isso inclua todos na conversa. O bom corretor usa a comunicação para influenciar quem influencia seu cliente.

Esqueça termos técnicos e linguagem rebuscada. Seja simples (sem ser simplório), direto e claro. Sua expertise não deve ser medida pela quantidade de palavras difíceis que o cliente não entende. Isso apenas acrescenta ruído na comunicação – e o distancia de você e da assinatura do contrato.

Faça contato visual. Quem não olha nos olhos parece estar escondendo alguma coisa ou estar inseguro. Mostre confiança e sinceridade no olhar, mas sem arrogância.

Adapte seu ritmo de fala. Não confunda direcionar a conversa para seus interesses com impor ou dominar a conversa. O corretor deve falar na mesma velocidade do cliente, de forma a estabelecer uma empatia.

Um bom comunicador sabe usar a linguagem corporal para estabelecer vínculos. Ao ouvir o que seu cliente fala, acene com a cabeça de vez em quando para ele saber que você está atento. Mantenha uma postura calma, sem mãos nos bolsos, que dão sinal de descaso, nem relaxamento exagerado. Evite gesticular demais.

Fale apenas o que você tem certeza que sabe. Se não souber alguma informação, não chute. Diga que vai pesquisar e retornar depois com a resposta. E faça isso. O corretor que fala qualquer coisa achando que vai enrolar o cliente acaba desacreditado.

Como ser um bom comunicador online

Com o mercado imobiliário cada vez mais competitivo, é fundamental ter uma boa presença online. Mantenha canais de comunicação com seus clientes através de redes sociais e blogs.

Não use a internet para falar apenas das suas ofertas. Mais uma vez, use a fórmula Pareto: 80% das suas publicações devem gerar valor agregado, falando de assuntos relacionados relevantes e 20% da sua cartela de imóveis.

Crie, jamais copie. Assim como qualquer outro profissional, o corretor deve produzir posts originais, relevantes e atualizados. Cuidado também com o português. Aqueles errinhos que parecem bobos acabam gerando describilidade. Na dúvida contrate um profissional. Lembre-se, é através do marketing de conteúdo que você mostra expertise e gera credibilidade.

Separe sua vida pessoal da profissional. Tenha redes socais separadas e, mesmo assim, evite assuntos polêmicos em ambas. Evite comentários sobre futebol, religião, política, etc.

Mantenha, sempre, um comportamento condizente com o código de ética do corretor de imóveis. Assim você estará gerando mais confiança e transparência nos seus negócios, essenciais para uma comunicação eficiente.

Dessa forma, o corretor pode ser um bom comunicador e consolidar cada vez mais sua marca no mercado.

Quer saber mais sobre ser um corretor de sucesso? Continue acompanhando nossos posts e receba as melhores dicas para bombar nas vendas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *